Alergias na pele

A alergia na pele é uma reação inflamatória que pode manifestar-se em diferentes regiões do corpo, como mãos, pés, boca, braços, axilas, pescoço, pernas, costas ou abdome, causando sintomas como vermelhidão, coceira e bolinhas brancas ou avermelhadas na pele. Existem diferentes graus de alergia, desde leve coceira na pele, olhos ou nariz até casos graves com risco de morte como no caso de Angioedema.

A pele é um dos órgãos mais frequentemente acometidos por processos alérgicos. Existem diversas causas para alergia na pele, mas todas elas costumam se apresentar com duas características: rash cutâneo (manchas ou placas avermelhadas na pele) e intensa coceira.

As alergias na Pele acontecem por contato com substâncias irritantes ou não em peles mais sensíveis ou por contato com substâncias irritantes, neste caso não é alergia propriamente dita. Um exemplo bem comum deste segundo caso é o das donas de casa que usam detergente e com o uso contínuo começam a ter irritação nas mãos.

A alergia na pele é uma condição não contagiosa, portanto, não há nenhum problema em partilhar objetos ou roupas, conviver ou tocar na pele do paciente.

alergias-na-pele-2

As alergias mais comuns

Perfumes e fragrâncias
Perfumes e fragrâncias são fontes comuns e crescentes de alergia para o adulto. Esta linha inclui sabonetes, loções corporais, xampus, produtos de limpeza doméstica, lenços umidificados e os rotulados de “sem cheiro”, que podem causar dermatite de contato. Ao notar uma reação alérgica, troque os itens por óleos naturais ou artigos sem fragrância.

alergias-na-pele-perfumes

Níquel
Muito comum no consultório do dermatologista é a alergia causada pelo níquel, metal usado em bijuterias, peças de ouro e piercings. As reações mais comuns ocorrem nas orelhas por causa dos brincos, no primeiro contato ou após o uso prolongado. Além da bijouterias, o níquel está presente em relógios, armações de óculos, zíperes, botões, cintos, botões de punho etc.

Látex
A alergia ao látex é cada vez mais comum e é causada pelo número crescente e considerável de produtos fabricados com este material (luvas, bolas, roupas, faixas para o cabelo, preservativos, etc).

Tinta para cabelo
A alergia por contato com a tinta para cabelo é causada pela sensibilidade à parafenilenodiamina (PPD), uma substância química misturada com outras substâncias e encontrada também na hena negra temporária. Antes da aplicação, recomenda-se realizar teste de sensibilidade conforme indicado na embalagem. Os sintomas comuns são coceira, dor e descamação no couro cabeludo e inchaço.

alergias-na-pele-tinta

Têxteis
A lã, na sua forma mais pura, não causa alergias. O que acontece é que a sua textura causa um desconforto confundido com alergia. Os têxteis que provocam alergias são os derivados de resina de formaldeído. Este material é um dos componentes básicos do vestuário elástico à prova d’água, anti-enrugamento/encolhimento.

Os sintomas da alergia ao formaldeído são queimaduras, manchas e inchaço. Neste caso, troque as roupas por outras de algodão, poliéster, nylon e acrílicos livres de formaldeído. Em caso de alergia leve, a solução pode ser lavar a roupa várias vezes.

Cosméticos podem causar alergias na pele
A alergia a cosméticos pode ser causada pela sua fragrância, bem como seus conservantes. Um produto vencido ou de má qualidade pode irritar a pele, e é um problema comum. No entanto, a presença constante de vermelhidão, inchaço e erupções pode ser sinal de alergia a certos componentes, tais como formaldeído, parabenos e timerosal. Em caso de irritação na pele por cosméticos, deve-se interromper seu uso.

alergias-na-pele-cosmeticos

Medicamentos tópicos
Cremes antibióticos e pomadas usados muitas vezes no tratamento de feridas e outras condições podem ter substâncias irritantes, que podem causar alergias desde leves a muito graves.

Protetor solar
Os protetores solares podem causar efeitos adversos, uma vez que alguns elementos químicos (ácido parabenzóico (PABA), benzofenona, oxibenzona, salicilatos e cicloexanol) utilizados nestes produtos podem irritar a pele de pessoas mais sensíveis. De qualquer modo, para evitar qualquer risco, procure filtros solares que não contêm estes agentes.

Produtos para o lar
Os produtos para o lar que normalmente causam alergias contêm solventes e adesivos, principalmente adesivos muito fortes e duráveis, além de detergente, sabões e produtos com cloro. Peles sensíveis em constante contato com esses produtos podem desenvolver alergias.

A urticária é uma lesão de pele, avermelhada, em placas e com relevo, que provoca intensa coceira. A urticária costuma ser causada por processos alérgicos, podendo ser desencadeada por remédios, alimentos, picada de abelha ou contato com substâncias, tais como tintas, látex, pólen, saliva de animais, etc.

Angioedema

O angioedema tem a mesma origem da urticária, mas é uma forma de alergia mais grave, pois acomete as camadas mais profundas da pele e também as mucosas, podendo provocar inchaço dos lábios, língua, olhos e das vias respiratórias.

alergias-na-pele-angiodema

Dermatite de contato

A dermatite de contato é uma forma de irritação da pele causada pelo contato direto de uma substância com a mesma. Existem duas formas de dermatite de contato. A mais comum é aquela causada por contato da pele com substâncias naturalmente irritantes. A segunda forma é o contato da pele com substâncias na qual o paciente é alérgico. São, geralmente, substâncias que não provocam reação na pele da maioria das pessoas, como é o caso de luvas de látex ou de detergentes.

Dermatite atópica

A dermatite atópica é uma doença de pele, tipo rash, muito comum em crianças, que surge habitualmente em áreas de dobras, como a fossa poplítea (parte de trás dos joelhos), pescoço e fossa cubital (parte de trás dos cotovelos). Nos bebês, a face é uma área comumente atingida. DEve-se procurar um médico dermatologista para fazer as orientações e o tratamento mais adequado.

Picadas de mosquito

Picadas de mosquitos são causas comuns de alergia na pele. Assim que somos picados, logo antes de sugar o nosso sangue, os mosquitos injetam a sua saliva, que tem ação anticoagulante, impedindo que o sangue sugado coagule. É a saliva do mosquito que costuma causar as reações alérgicas nas pessoas. Na maioria dos casos, a reação à picada é pequena e localizada, sendo o sintoma mais habitual uma pequena elevação avermelhada na pele com intensa coceira.

 

alergias-na-pele-4

Como saber se é alergia na pele

O diagnóstico da alergia na pele pode ser feito pelo médico dermatologista durante a consulta, mas podem ser necessários exames adicionais.

alergias-na-pele-6

O que se deve fazer

Pacientes muito alérgicos devem procurar assistência médica rapidamente. Em casos mais leves, deve-se lavar delicadamente o local com água e sabão neutro, pode ser usado um hidratante hipoalergênico.

alergias-de-pele-00

O tratamento recomendado para a alergia na pele deve ser indicado pelo médico dermatologista e o tipo de tratamento vai depender do caso e da intensidade dos sintomas.

Gostou do conteúdo? Veja também os outros artigos do site, grande abraço!

Queda de cabelos
Acne na mulher adulta
Unhas fracas
Como tratar pele ressecada
Como evitar olheiras

 

 

Ainda não há comentários.

Deixe um comentário comentário

Fear Itself Speech 修改 文章 英文 click through the following web site | Advanced Trading Tools · Learn How to Trade opciones binarias demo click here now
Loan Canada go credit visit their website